Célula solar de plástico já compete com células de silício

Célula solar orgânica de alta eficiência

O professor Michael Gratzel apresentando suas células solares orgânicas, agora com eficiência na casa dos 15%.

Célula Solar de Plástico

O professor Michael Gratzel apresentando suas células solares orgânicas, agora com eficiência na casa dos 15%.

O inventor das células solares orgânicas, Michael Gratzel, deu outro impulso marcante à sua criação original.

Sua equipe construiu células solares sensibilizadas por corante (DSSC) em uma versão de estado sólido – as DSSC são também conhecidas como “células de Gratzel”.

A DSSC de estado sólido utiliza um material chamado perovskita (CaTiO3) para coletar a luz, funcionando também como material de transporte das cargas positivas para substituir o eletrólito líquido da célula.

Os protótipos apresentaram uma eficiência recorde de 15% na conversão de energia solar em eletricidade, aproximando-se muito das células solares de silício.

A equipe acredita que a inovação representa uma nova etapa no desenvolvimento das células solares orgânicas, agora em um novo patamar de eficiência.

Esse tipo de célula solar tem potencial para ser muito barato, podendo ser fabricado em larga escala, sobre substratos plásticos transparentes.

Fonte: inovação tecnológica

Comment

  • Héctor Lopez

    10/03/2017 at 12:37 AM

    Buenas noches soy de México, me gustaría aprender cómo elaboró las placas solares pero no pude traducir su idioma al español, gracias

Leave a Comment